Comportamento

Sobre amor-próprio, autoestima e outros valores!

Durante muito tempo eu achei que eu me amasse de verdade e acreditava que o status de mulher bem resolvida e super segura se encaixavam perfeitamente em mim, mas nem sempre era assim. Havia sempre uma insatisfação que temporariamente se resolvia com meia dúzia de likes nas redes sociais a cada self postada. Uma falsa autoestima elevada a nada. A insegurança de quem estava sempre preocupada com a aceitação dos outros.

Tinha tanta coisa mal resolvida dentro de mim que eu já não era capaz de ver a beleza por trás da maquiagem.

O meu cabelo não era liso, a minha pele não era de pêssego, a minha barriga não era negativa, mas minha cabeça era. Eu não era perfeita!

Até o dia que eu resolvi me fazer a seguinte pergunta:

Se a minha aparência fosse baseada nos meus valores, quão bela eu seria?

Depois de muito tempo tentando respondê-la e tornando isso quase que um exercício diário, hoje eu me vejo além do reflexo do espelho, não concentro meus os esforços em modificar a “embalagem” ou tomar decisões baseadas apenas no que eu acho que as pessoas esperam de mim, estou recuperando os valores perdidos no meio da minha bagunça emocional e encontrando as respostas.

Comecei a compreender que sou perfeita nas minhas imperfeições! E não se engane, eu não falo apenas das imperfeições físicas.

Entender que consertar o que está errado por dentro é mais eficaz do que fazer pequenos reparos na parte de fora e que amor-próprio vai além de assumir ou aceitar o seu tipo de cabelo ou a cor da sua pele. E isso não significa que eu esteja completamente satisfeita com as minhas escolhas ou com a minha aparência, a diferença é que tenho conseguido ser feliz com a minha essência, tenho me sentido mais livre e sei que todas as mudanças que vierem não serão por insatisfação e sim pela valorização do meu melhor. 

Talvez algumas pessoas confundam com narcisismo ou até egoísmo, e, sinceramente? Não me importa mais, por que no final tudo isso se trata de uma relação de amor e respeito entre mim e o meu mais íntimo e verdadeiro eu.

Hoje eu sou o meu maior presente!

Comments 3

  1. Anonymous

    Você falou tudo! Temos que nos enxergar e ver que temos muito mais do que essa valorização em tudo que achamos ser ou fazer certo. Eu,sempre busquei a minha felicidade e jamais deixei de fazer, vestir por conta de alguém! Tenho muito ainda que aprender, mas a cada dia procuro me renovar e ser sempre uma pessoa melhor.

    Reply
  2. Aline Argolo

    Quanta lucidez num texto só!! Me identifico com cada palavra!! Acho q o segredo da felicidade consiste nisso. Mta admiração por vc!! Bicha linda por dentro e por fora!! Bjos com saudade!!

    Reply
  3. Vanessa Jamile

    Arrasou😙

    Reply

Leave a Reply